sexta-feira, 7 de agosto de 2015

ROMANOS: a santidade é um relacionamento no agora e no porvir com Deus - PARTE III

O capítulo 8 tem início com clamor de vitória "agora nenhuma condenação há...."Este é o ponto ápice  que Paulo deseja chegar com a questão da justificação por meio da fé. O objetivo do evangelho na vida do cristão não é somente pontual, ou seja, ser perdoado e tornado justo. A justificação arremete a todos a busca da santificação. 
O viver "segundo o Espírito" é agora a condição pelo qual o Senhor deseja que todos cheguem. Mas à frente escrevendo aos Tessalonicenses no cap 5: vs 12 em diante, exorta a condição holística alcançada na santificação  "espírito, alma e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda do Senhor".O cap 8:11 a santificação não é um mérito de nossa bondade, ou religiosidade, Paulo diz que "Jesus habita em nós". Isto implica em dizer que apesar de fazermos o uso dos meios da graça (oração, contemplação, leitura, louvor etc) a santificação é um estado que o "eu" morre, e agora, Cristo domina a vida do cristão.Lembra de Gálatas 2:20? 

Então, santidade nesta explanação paulina, é simplesmente andar segundo o Espírito de Deus, segundo a Sua verdade, segundo a Sua vontade e segundo a Sua direção. Não adianta nós escondermos de Deus tal condição, ou seja, se estamos andando segundo o Espírito ou não. No vs. 27 ele comenta "que Ele examina os corações e nos ajuda em Sua intercessão." 

Que grande plano Deus dispensou a todos nós, a fim de que pudéssemos estar enquadrados naquilo que se encontra na eternidade, e que nenhum de nós temos a mínima capacidade de poder entender o estado planificado por Deus para que todos alcancemos a Sua presença na eternidade. Há um cântico no vs 31 em diante, que ao mesmo tempo que é inspirador, também é uma reflexão para que todos possamos entender  que perigos no trajeto da vida podem nos fazer sucumbir diante diante da proposta divina para homem. Paulo vai declinando situações e eu e você podemos hoje contextualizar. O que pode nos separar de Deus?

Com certeza, com respeito a Ele - nada. Mas e nós? O mundo que vivemos hoje é um mundo anti-Deus. Faz de tudo para anular a veracidade divina,  a Sua verdade e o Seu amor pela humanidade por meio de Seu Filho. É o mundo que se volta para andar naquilo que é carnal, no que seca o coração e obscurece a mente. Mas uma vez, o vs 1, o alerta se faz: "não há condenação para os que andam segundo o Espírito", mas o andar segundo a carne a condenação já é uma realidade estabelecida agora e no porvir. 

Segue....